RSS

Evolução da Economia Portuguesa no Longo Prazo

27 Dez

Em final de ano, gostava de vos deixar com alguns Gráficos de Longo Prazo sobre a Economia Portuguesa (versões em tamanho grande disponíveis no link do blog Desmitos no fim desta entrada)

1. Dívida Estatal Portuguesa em % da Produção Interna

Obrigadinho Soares & Sócrates.

2. PIB per capita português em % do PIB per capita da Europa “Avançada”

Uma década inteira em Divergência…

3. Taxa de Desemprego

A Taxa de Desemprego mais elevada da história!

4. Emigração Portuguesa

A maior vaga de emigrações desde a fuga devido à Guerra Colonial.

5. Capacidade de Poupança

Uma capacidade de poupança baixíssima (e se fosse possível desagregar por classes de rendimentos…)

Para não falar da Justiça – a sua multiplicação de custos e a deterioração dos seus resultados, Educação – o seu aumento de custos e o facilitismo a que o sistema estatal é obrigado para não haver reprovações massivas, e Saúde – com um peso crescente mas a permitir cada vez mais baixas médicas, ou das “Parcerias Público-Privadas” – que constroem investimentos sem retorno com dívida cujos juros não conseguimos pagar sem caridade externa.

Esta é a situação. O modelo tem que ser outro.

Fonte dos gráficos: Desmitos (blog do Álvaro Santos Pereira até ser ministro)

 
 

Etiquetas: , , , , , , ,

3 responses to “Evolução da Economia Portuguesa no Longo Prazo

  1. Leonel Rodrigo

    3 de Julho de 2014 at 17:33

    Falta o quadro sobre os parasitas,
    os que tem salários desindexados da taxa de produçao do país e deles próprios.
    Do despesismo no funcionalismo público, do serviço público que não serve o país nem o povo.

    Desigualdades graves=Economia sem estabilidade.

    Cargos públicos é para os competentes os que atingem objetivos, não para parasitas que adquirem um titulo de ficar encostados. Forças armadas com grandes ordenados desfasados da realidade do resto da economia e que nada produzem ao país.

    Portugal não tem futuro.

     
  2. Leonel Rodrigo

    3 de Julho de 2014 at 17:34

    Observatórios que não têm nenhuma utilidade, porque não têm objetivos.

     

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: